Pesquisadores da UFRJ retiraram parte de uma substância do ipê e juntaram com composto de planta canadense. Os testes feitos em células cancerosas foram bem sucedidos e podem ajudar pacientes.

Matéria completa no Jornal Hoje, da Rede Globo. Abril, 3, 2009.

Anúncios