sangueOs exames de controle são realizados periodicamente, sendo que nos primeiros 5 anos que seguem ao diagnóstico o intervalo da periodicidade é menor, variando de médico para médico. Nos anos subseqüentes o controle passa a ser anual.

Existe um grande número de exames laboratoriais, alguns são específicos para um grupo de doenças, entretanto muitos exames são utilizados rotineiramente em muitas especialidades. Geralmente, os exames são avaliados em termos de sua sensibilidade e especificidade.

Entre os exames de laboratório disponíveis, os mais solicitados no decorrer dos exames de controle são: cálcio, creatinina, colesterol total, LDL, HDL, VDL, contagem de plaquetas, estradiol, ferro, fosfatase alcalina, fósforo, gama GT, glicemia, glicose, hemograma completo, hemossedimentação, magnésio, potássio, prolactina, proteína C reativa, sódio, TGO, TGP, triglicerídeos, TSH, uréia, urina e marcadores tumorais (substâncias que funcionam como indicadores da presença do câncer).

Os marcadores usualmente acompanhados são: CA 125 (Ovários), CA 15.3 (Mama), CA 19.9 (Pâncreas e ductos biliares) e CEA (Colo, Mama, Pulmão).

Anúncios