Por Ricardo Menacker
Lotus flower

Longe daqui, aqui mesmo. Acreditem que alguns dos queridos estão numa fronteira além de meus horizontes. Segue a saudade de ātmans uma vida única. Caminho para todos e de todos nós um dia. Mas não para breve, por favor, nem brevíssimo. Não peço bola de cristal para este dia.

Foi única a vez me manifestei sobre a morte de alguém no blog. E fiz por tratar do desejo de ter desejos. Se fulano não sabe o porquê do corpo padecer, como lutará? Há que se ter livre arbítrio e não correr ao arbítrio dum possuidor. A vida é de cada um. E por isso, porque o foco é a vida, a esperança, trato. Se acaso tratasse doutra nota, daria as baixas: Paul Newman, Farrah Fawcett, e ontem Patrick Swayze. Virgem em Câncer e Lua na Esperança! não é memorial. É marco para a vitória sobre todas vicissitudes de mesmo cognome: câncer. Contudo, por honra e homenagem, minuto de silêncio para os lutadores corajosos que venceram muitas das batalhas. A nossa guerra, a nossa guerra continua.

Adeus não é até breve. A morte não é mais do que mais um a menos. Mas o delírio é o de estar vivo. Viva!

Anúncios