Taxa de mortalidade é maior do que há 20 anos. 81,3% dos casos ocorrem a partir dos 50 anos.

Mais da metade (55%) dos casos de câncer do cólon e do reto diagnosticados no estado de São Paulo são detectados nas fases mais avançadas da doença. Só 13% são diagnosticados na fase inicial. A conclusão é de pesquisa da Fundação Oncocentro de São Paulo, órgão ligado à secretaria da Saúde. Quanto mais tardio o diagnóstico, mais difícil é o tratamento e menores são as chances de cura.

O levantamento também verificou que a taxa de mortalidade é maior do que há 20 anos. Hoje a mortalidade entre os homens é de 10,1 por 100 mil habitantes. Entre as mulheres, 8,12 por 100 mil. Há 20 anos, era de 6,8 por 100 mil entre homens e 6,2 por 100 mil entre as mulheres.

Foram analisados 2.636 casos novos de câncer colorretal do ano de 2007. A faixa etária a partir dos 50 anos foi responsável por 81,3% dos casos.

O médico Michel Naffah Filho, responsável pelo levantamento, recomenda dieta equilibrada e rica em frutas, verduras e fibras, limitar o consumo de carne vermelha, gorduras de origem animal e carnes processadas, moderar o consumo de álcool, não fumar e realizar atividades físicas regularmente.

Fonte: Portal G1. Setembro, 29, 2009.

O Blog Virgem em Câncer e Lua na Esperança! reúne sob diversas categorias e tags centenas de posts dedicados à busca da melhoria de qualidade de vida, e cura, de pacientes oncológicos, bem como prevenção. Contudo não trata o Blog do que não lhe é pertinente: fazer o papel de médicos especialistas. Procure sempre um especialista da área que busca informação. Informação é sempre a melhor ferramenta. Converse com seu médico.

Anúncios