Empresa seleciona dois renomados institutos brasileiros de pesquisa em oncologia para a realização da fase inicial de estudos de medicamentos para o tratamento do câncer

A Merck Sharp & Dohme (MSD), subsidiária brasileira da Merck & Co., realizou um levantamento junto aos principais centros de oncologia do Brasil com o objetivo de selecionar dois deles para integrarem uma rede mundial que realizará estudos clínicos em fase I voltados ao desenvolvimento de medicamentos para o tratamento do câncer, uma das prioridades em estudos clínicos da Merck.

O Instituto de Oncologia da USP (Universidade de São Paulo) e o INCA (Instituto Nacional de Controle do Câncer), sediado no Rio de Janeiro, foram os dois centros de pesquisa escolhidos pela Merck Sharp & Dohme e visitados pelo cientista Eliav Barr, Vice-Presidente para Pesquisa Clínica em Oncologia da Merck & Co., principal responsável pelo desenvolvimento clínico da vacina Gardasil (que previne o câncer de colo do útero), que conheceu e validou as instalações brasileiras.

No Brasil, a Merck Sharp & Dohme já realiza estudos nas fases II, III e IV, mas esta é a primeira vez que o País é escolhido para desenvolver o primeiro e mais importante passo da pesquisa clínica, uma vez que é na fase I que os cientistas descobrem como a nova substância funciona no organismo, avalia sua segurança, como ela deverá ser administrada e a validam para a próxima fase.

“Esse é o ponto de partida da pesquisa clínica e para realizá-lo são necessários recursos tecnológicos que poucos lugares do mundo disponibilizam, por conta de toda a complexidade técnica e científica que o processo envolve. Nós queremos fazer da Merck Sharp & Dohme uma subsidiária de preferência para a condução dos estudos da matriz e referência em pesquisa clínica no País”, afirma o dr. José Octávio Costa Filho, Diretor Médico da Merck Sharp & Dohme e responsável pelo levantamento dos institutos brasileiros de pesquisa clínica em oncologia analisados para compor a rede da Merck & Co.

Parte deste trabalho foi possível por conta do projeto de desenvolvimento de centros de pesquisa de excelência em ensaios clínicos realizado pela Merck & Co. O laboratório centrou grandes esforços para oferecer todo o suporte necessário para que os principais centros destacados pelas equipes de todo o mundo atingissem parâmetros ideais em termos de infra-estrutura e nível profissional para o desenvolvimento de pesquisa de qualidade. Além da participação do Brasil, farão parte do projeto três centros localizados nos Estados Unidos e mais quatro ao redor do mundo.

A realização de ensaios clínicos no Brasil auxilia a sustentabilidade do País, uma vez que a população tem a oportunidade de ampliar o seu conhecimento sobre as doenças e formas de tratamento, além do acesso a medicamentos e à melhor qualidade de vida proporcionada pelas drogas inovadoras; os fornecedores, universidades e centros de pesquisa ganham com o incremento da produção científica; o mercado de trabalho é ampliado para os investigadores da área biomédica e, finalmente, chegamos a um ponto fundamental para o sucesso de toda esta “cadeia” de produção de um medicamento: a redução de custos para o tratamento, que auxilia o Governo a prover ainda mais recursos ao sistema público de saúde”, completa o Diretor Médico da MSD.

A Merck concentra estudos em cinco áreas prioritárias: 1) Doenças cardiovasculares, endocrinologia (diabetes e obesidade) e síndrome metabólica; 2) Imunologia e doenças respiratórias; 3) Doenças Infecciosas e vacinas; 4) Oncologia e 5) Neurologia, Alzheimer e depressão.

Atualmente, o Brasil aparece entre os países com maior número de estudos clínicos, ao lado dos EUA, Peru, Alemanha, Colômbia e Canadá.

As fases da pesquisa clínicas podem ser acessadas no site do Laboratório Merck Sharp & Dohme.

Sobre a Merck & Co. e a Merck Sharp & Dohme
Fundada em 1891, a Merck é uma companhia que pesquisa, desenvolve, produz e comercializa vacinas e medicamentos para preencher necessidades médicas ainda não atendidas. A empresa dedica grandes esforços para aumentar o acesso aos seus medicamentos por meio de programas especiais, além de divulgar informações sobre saúde, como uma prestação de serviço à população. No Brasil desde 1952, a empresa é denominada Merck Sharp & Dohme (MSD) e conta com um escritório central, localizado em São Paulo, e uma unidade fabril, situada na região de Campinas, São Paulo. Para mais informações, visite http://www.msdonline.com.br

Fonte: Merck Sharp & Dohme, Julho, 2008.

O Blog Virgem em Câncer e Lua na Esperança! reúne sob diversas categorias e tags centenas de posts dedicados à busca da melhoria de qualidade de vida, e cura, de pacientes oncológicos, bem como prevenção. Contudo não trata o Blog do que não lhe é pertinente: fazer o papel de médicos especialistas. Procure sempre um especialista da área que busca informação. Informação é sempre a melhor ferramenta. Converse com seu médico.

Anúncios